Arquivo da categoria: textos meus.

Mais um pensamento…


E mais uma vez eu me pego aqui pensando sobre a vida, sobre o que quero…
E sabe, sempre acabo pensando que o que eu realmente quero é sentir amor.
Sim, eu tenho certeza absoluta que amor é o que me move, que me faz querer,
que me faz acreditar que nada é impossivel, e sempre vou saber que o amor
faz o mundo e as pessoas melhores.

Acabei de assistir um filme chamado A Última Música, e fiquei aqui pensando
em como as pessoas sentem amor pelas outras, em como isso as atinge e como as
mudanças internas acontecem…Nem todos sentem amor da mesma forma, nem todos
vão sentir amor de verdade, mas sempre que existir nem que seja um pouco de amor
dentro de si e talvez pelo proximo, pode ter certeza que teus dias realmente
serão mais coloridos, mais cheios de vida.

E fico aqui criando coisas na minha cabeça, cenas de amor que eu quero viver,
quero correr pela praia, me atirar no mar, derrubar na agua meu namorado,
rirmos de tudo isso, nos jogarmos na areia e porque nao uma guerrinha de bolinha de areia?
Quero me deitar no chão e ficar jutinho olhando pro céu, quero poder acordar recebendo
beijos no nascer do sol e no pôr também, quero olhar pro lado e sentir que a pessoa que
está comigo esteja ali porque realmente me ama, que realmente quer estar ali e que saiba o
que é amor de verdade.

Eu sou assim mesmo, cheio de sonhos, de vontade, de desejos.
E confesso, nao irei mudar, porque eu acredito que isso vai acontecer.
A vida tá ai, me levando pra novos caminhos, novas aventuras e quem sabe um amor desses?

 

e nada melhor que terminar esse texto com a musica do filme…que tem muito a ver com amor!
E eu desejo pra todos, MUITO AMOR em suas vidas!
verybody needs inspiration
Everybody needs a song
A beautiful melody
When the night’s so long
Cause there is no guarantee
That this life is easy

Yeah, when my world is falling apart
And there’s no light to break up the dark
That’s when I, I, I look at you
When the waves are flooding the shore and I
Can’t find my way home anymore
That’s when I, I, I look at you

When I look at you
I see forgiveness
I see the truth
You love me for who I am
Like the stars hold the moon
Right there where they belong and I know
I’m not alone

Yeah, when my world is falling apart
And there’s no light to break up the dark
That’s when I, I, I look at you
When the waves are flooding the shore and I
Can’t find my way home anymore
That’s when I, I, I look at you

You, appear, just like a dream to me
Just like kaleidoscope colors that
Cover me
All I need
Every breath, that I breathe
Don’t you know?
You’re beautiful

Yeah yeah…

When the waves are flooding the shore
And I cant find my way home anymore
Thats when I,
I I look at you
I look at you

Yeah yeah…
Oh oh…
You appear just like a dream to me…

Me despedindo aos poucos….


Aos poucos vou me despedindo de tudo.
Vou caminhando pelas ruas aqui de Porto Alegre, pensando que talvez eu não volte mais a pisar nelas, que não irei mais com meus amigos para a Redenção, muito menos pra Cidade Baixar tomar uma cerveja, que não receberei mais ligações me convidando pra sair, pra dormir na casa de alguém, ou de sair por ai ou até de ir se encontrar na esquina aqui de casa pra conversar.

Vou caminhando por aqui, olhando tudo ao meu redor, mesmo que isso me traga uma certa tristeza, mas trás também um certo alivio, um certo prazer, e eu acabo sentindo que eu estou fazendo a escolha certa. Durante muito tempo pensei muito mais nos outros do que em mim, e sempre acabei deixando meus planos de lado, mas dessa vez não vou me permitir isso, eu vou fazer o que eu realmente tenho que fazer, que eu realmente desejo, que mesmo que entristeça uns e ao mesmo tempo eles se alegram por isso, eu realmente quero ir embora,
viver uma nova vida. Se eu pudesse eu levava alguns de vocês, meus verdadeiros amigos, comigo pra sempre, pra viver comigo essa nova vida que eu to prestes a ganhar.

Eu vou caminhando aqui, dando um certo tchau pra tudo, pra poder dar um Oi pra tudo que vem vindo. Quero sair daqui de coração “vazio”, sem tristeza, sem magoas, me sentindo feliz, sabe? Eu preciso me sentir feliz por completo e acho que essa mudança pode me trazer essa felicidade que eu quero tanto encontrar…pode ser que não seja lá, mas eu tenho muita esperança que seja.

Já me disseram que é a melhor coisa pra fazer, que se eu quero vida nova, amores novos, conhecimentos novos, eu to indo pro lugar certo, e acho que uma das certezas que eu sinto é que eu to fazendo a coisa certa dessa vez, e nada vai me atrapalhar pra que isso aconteça, nada. Talvez as pessoas realmente nao saibam como eu me sinto, o que eu penso e o que eu quero, porque pra muitos eu to sempre ótimo, sempre feliz e que nada estraga isso, mas confesso que a realidade é diferente, e que eu sou como uma grande maioria da população que nãos se sente feliz o tempo todo. Eu não quero me contentar com poucas coisas, não quero trabalhar em algo que eu não curta, não quero ter que viver como se eu fosse uma maquina programada, eu quero viver e me aventurar como eu acho que tem
que ser. Como diz uma amiga minha: – Fabian tu nasceu pro mundo. E realmente eu sempre achei isso, e agora vou confirmar isso, passei meses desejando ir morar longe daqui, muitos cansaram de ouvir que eu queria ir pra Barcelona, mas sempre ficou só no falar, mas agora é decisivo, eu vou, não pra Barcelona, mas pra um lugar diferente e que eu jamais pensei em ir  que é Sydney. E hoje, depois de muito pesquisar sobre lá, me sinto encantado demais.

Eu tenho que agradecer a minha mente, ao meu coração, e tudo que tem acontecido comigo, porque se nao fosse essas coisas eu ainda estaria na mesma, e nao teria tomado essa decisão de ir embora. Não vou mentir pra ninguem e não vou esconder que um dos motivos que eu to indo é pra esquecer as magoas que eu vivi por aqui, sei que muitos vão dizer que é coisa de covarde fugir das coisas, mas é o que é melhor pra mim. Muitos vão dizer que isso vai acontecer la também, mas eu to preparado pra isso também, mas como eu disse antes, é uma vida nova, é tudo novo, e é disso que eu realmente preciso.

E sabe, quero ainda dar mais uns passos por aqui, viver o que tem pra viver aqui, andar com quem realmente se importa comigo e que vai com certeza fazer uma falta absurda nos meus dias. Mas né, tudo tem seu preço, e esse vai ser o meu, ficar sem ao meu lado as pessoas que eu realmente amo.

Enfim, vou caminhando por aqui, porque quando menos eu perceber, nao estarei mais caminhando aqui e sim voando pra lá!

E pra finalizar, uma musica para os meus amigos de ♥ (com legenda pra ficar mais facil de entender :p)

 

Depois que apareci.


‎”Eu não quero que seus amigos saibam tudo sobre mim, só quero que quando ninguém saiba onde você está, eles digam que você – provavelmente – está comigo. Eu não quero que tu ame as bandas que eu gosto, só quero que você me ligue pra dizer que ouviu uma música dela, e lembrou de mim. Eu não quero que você me dê presentes o tempo todo, só quero que em um dia aleatório, você chegue com uma margarida roubada do jardim do vizinho. Eu não quero que você fique me abraçando o tempo todo, só quero que você pegue forte na minha mão quando passa algum mal-encarado na rua. Eu não quero que você me ligue o tempo todo, só que mande uma mensagem de madrugada, dizendo que não consegue dormir. Eu não quero que você me leve para onde tu for, só quero que quando você voltar, diga que sentiu saudades. Eu não quero que você me faça declarações de amor, só quero que eu encontre meu nome escrito em algum canto do seu caderno de história. Eu não quero que eu seja o motivo da sua felicidade, só quero que você me diga que as coisas passaram a dar certo depois que eu apareci “

Querido John.


Só posso dizer que foi um filme que tocou de verdade em mim.  Me fez pensar em como as coisas mais bonitas, que fazem os olhos brilharem, são sempre ligadas ao amor. Existe mais coisa mais linda que uma sincera carta de amor?  O tempo é sempre a chave pra tudo. É ele que faz com que as coisas permaneçam o tempo que tem que ser, que sabe a medida exata com que tudo aconteça. Mas o amor verdadeiro tá sempre ali, independente de tempo, independente de tudo, tá dentro da gente, ninguém tira, ninguém toca, é nosso.

Acredito que o amor guia. Acredito que ele que faz nossa vida ter sentido. Acredito e sempre irei acreditar nisso. Confesso, eu sou daqueles que acredita no amor eterno, acredito no pra sempre, e isso nunca vai mudar.  As pessoas mais felizes são as que têm amor nas suas vidas, a vida deles tem mais sentido, tudo tem um motivo extra sabe?  Por mais que o amor possa machucar,  a gente precisa sentir. O amor nos faz nos sentir vivo e enxergar o mundo de uma forma muito mais colorida e feliz. Quem ama sabe disso.

Existe coisa mais linda que acordar, olhar pro lado e ver que aquela pessoa especial que cruzou nosso destino, tá ali deitadinha do nosso lado, e quando ela nos olha simplesmente abre um sorriso…é muito mais que um presente! E ouvir um te amo pela manha? Receber aquele abraço na hora de acordar? Ou quando não estão juntos, acordar com uma ligação ou uma mensagem, só dizendo: – Bom dia meu amor! Tenha um ótimo dia! Te amo!…

Eu confirmo aqui, sinto falta de tudo isso e me sinto vazio por dentro, mesmo que cheio de amor pra dar. As vezes dói. Mas um dia o mundo também vai ser mais cheios de cores pra mim.

Só não esqueçam: Se tu ama alguém, faça a pessoa sentir isso todos os dias da vida dela, ok? 😉

Bom,  é isso.

Fico por aqui.

 

Post ao som de : Alex Ubago – No estás sola

 

“Si hoy estas conmigo

Es que conmigo estas

Y si yo estoy contigo

Es porque soy tuyo nada más”

Vazio.


Sabe como me sinto hoje? Vazio.

Na realidade, não me sinto assim só hoje, me sinto assim a dias, meses, mas não deixo isso transparecer,  acredito que tem muita gente ai que acaba precisando de sorrisos, logo, acabo criando uma verdade não licita e mostrando aos outros que sou feliz sempre.

Na realidade, eu tô cansado é de conviver com pessoas vazias. Vazias de sentimentos. Vazias de pensamentos. Vazias de certezas.  Ninguém quer nada com nada na vida. As pessoas talvez estejam desacreditadas demais pra deixar as suas vidas cheias, então acabam apenas a deixando existir. Eu não quero existir, eu quero viver, eu quero fazer parte de muita vida, sabe? Quero dar amor pra alguém, quero também fazer alguém megamente feliz, quero poder dar todo o amor que existe em mim pra alguém. Quero! Posso! E um dia vou! Sempre acreditei que ninguém é feliz sozinho, e no final das contas, ninguém é. Sempre vamos precisar de alguém pra nos acolher, para nos dar um beijo de boa noite e dizer “você é especial pra mim” ou “eu sou feliz porque tu existe”. Precisamos também daquele abraço bem dado, daquele beijo especial, de ouvir um te amo, de se sentir surpreso, de fazer o outro se sentir surpreso, a vida precisa de emoção, de amor, e com certeza, viver sozinho não dá.

Um dia eu mesmo acreditei que eu poderia ser feliz sozinho, que eu era autossuficiente e que precisar de outra pessoa era pura carência, mas posso te dizer, sinto carência e falta de tudo que uma relação pode ter.

É péssimo tu ter tanto para dar, mas ninguém para oferecer. E é ai, que o vazio enche minha vida.

 

Escrevi esse post ao som de Reik – Dejáme ir

 

é isso.

beijos.

Un apriete en el corazón.


Hoy, confieso que deseo el amor. No es sólo un amor, pero todo lo que implica: la reciprocidad, el cariño, besos, emociones ..

Sabes cuando tú te sientes solo y la unica cosa que tu quieres eres solo un abrazo, o mejor, quedar acostado abrazado con su amor…oyendo algunas canciones, y sobre todo sentiendo sensaciones unicas, que solo o tocar de las manos o el sonido de la respiración ya causan algo perfecto dentro de nosotros, como calma, seguridad…

Creo que hoy solo quiero eso, alguien para quedar conmigo por buenos momentos…Yo siento que echo de menos de dar un beso apasionado, de me sentir feliz de despertar y ver que la persona que amo está acostada a mi lado…

 

Esta canción que estoy colocando aquí es muy bonita, y fue con ella que yo escribi este texto…Fíjate!

 

Yahir- Si te veo llegar

A veces siento que no puedo más.
Me vence el frío de la soledad,
no encuentro el sentido, es inútil despertar.
Sólo tu amor me puede hacer vivir una vez más.
Yo te veo llegar y todo en mí despierta.
Abres en mi corazón una esperanza más.
Si te veo llegar mi alma sanará.
No importa lo que fui, un hombre nuevo soy…
Gracias a ti.
En tantas distracciones me perdí.
El mundo me embriagó y me convencí
que yo no era nada, que todo lo viví
pero en tu voz me refugié esta mañana.
Yo te veo llegar y todo en mí despierta.
Abres en mi corazón una razón, una esperanza más.
Si te veo llegar mi alma sanará.
No importa lo que fui, qué tan fuerte caí,
un hombre nuevo soy gracias a ti.
El miedo no vencerá,
la duda me extrañará
y es que junto a ti sobreviví,
más fuerte para amar.
Yo te veo llegar y todo en mí despierta.
Abres en mi corazón una ilusión, una esperanza más.
Si te veo llegar mi alma sanará.
No importa lo que fui, qué tan fuerte caí,
un hombre nuevo soy…
Gracias a ti.

y no puedo terminar este texto sin poner una imagen de mi (tal vez) futura ciudad…

Encantadora, ¿no?

 

Besos!

Mais pensamentos.


Mais uma vez to aqui escrevendo…São 02:45 da manhã, eu acordo as 7:30 pra ir trabalhar, o sono ta chegando, mas a minha vontade de escrever aqui ainda é maior…

Sabe quando tu fica parado pensando na vida e acaba sentindo que ta faltando coisas, sentimentos, e tudo mais? Pois é, to assim. As vezes sinto falta de dormir de conchinha, de esperar ansioso por uma ligação, ficar feliz ao receber uma mensagem…Falta de ir dormir e ouvir: – te amo amor! Boa noite e sonha comigo!, saudade de ouvir te amo do nada, de receber beijos e abraços aleatoriamente e de surpresa…Saudade dessas coisas que eu ja não sinto digamos que a mais de 2 anos…Confesso, que até me acostumei com isso, que as vezes sinto que eu tenho uma barreira em mim que não me faz sentir encantando com as pessoas, nem sei se é medo ou receio de alguma coisa, ou um medo talvez de magoar alguem, e isso me deixa assim, sozinho..

Mas ok, apesar disso, eu sou um cara positivo, afinal, como muitos dizem por ai, positividade atrai positividade, e é o que eu to fazendo, atraindo positividades na minha vida, nas minhas escolhas…

Esse ano vai ser um ano e tanto…Mil coisas pra resolver, monografia pra escrever, formatura, preparativos pra viagem, mil papeladas, vai ser um ano meio estressante porém muito recompensador…mas to contando os dias pra acabar! Na realidade só to contando os dias mesmo é pra ir viajar…

Bom, acho que eu vou dormir, queria escrever mais, mas amanhã eu escrevo…

…e pra terminar vou por foto de uma futura universidade la da Espanhã que é uma das selecionadas por mim e que tem pós-graduação interessantes na minha area profissional e pessoal…Quando vê posso estar estudando nela, pq não? apesar que tem outras tão interessantes quanto.

;*

Coisas de domingo.


 

Hoje foi um daqueles dias que eu nem queria mais estar aqui. Não sei porque mas as vezes eu não consigo nem olhar pra algumas pessoas ou ler algumas coisas que eu já fico meio que com um certo nojinho sabe, mesmo que a(as) pessoa(as) nunca me tenham feito nada, mas sei lá, vai que isso é um sinal não é mesmo?

Domingo sempre é tão deprimente. Eu odeio domingo, depois das 20 horas, porque né, ta quase chegando na segunda, e só de pensar que eu tenho que trabalhar amanhã já me da uma vontade de dormir e acordar só na  sexta, mas ok, eu não odeio meu trabalho nem nada, só estou com uma certa preguiça extra de ter que ir trabalhar amanhã.

Na realidade, eu queria mesmo era não estar aqui, sentado na minha cama, escutando musica. Eu queria mesmo era estar en mi nueva habitacíon, en una ciudad, en otro país, con nuevas sensaciones, nuevos deseos, mirando solo cosas diferentes, donde una mirada fuiste siempre una novidad…Sim, eu to precisando de tudo novo, preciso me renovar, mas acredito que por aqui, vai ser praticamente sempre a mesma coisa. Tudo bem, falta pouco, pra quem ta esperando ja faz tempo, um ano passa rápido, depois só alegria (não que vai ser facil a vida fora daqui, afinal, aqui eu to acostumado com tudo e lá no voy estar acostrumbado con nada, voy tener miedo, voy cometer errores, pero todo será para mi aprendizaje, pero creo que voy que me sentiré muy feliz con todo lo que vá a suceder.

Não vejo a hora de mudar de ares, sentir el cambio…

Quiero me despertar en el invierno e mirar esta paisaje cuando salir en la calle…

Quiero salir por la noche, donde las calles son limpias y tiene seguridad… y no tenga miedo de salir y ser asaltado, robado…y si solo aprovechar.

Y en el verano!! Ay el verano! Quiero playa encantadoras, que me hacen brillar los ojos con tanta belleza…

…o solo quedar en una plaza disfrutando el tiempo…Escuchando unas canciones, o tal vez dando un beso en un nuevo amor ..quien sepas? Smiley piscando

Bueno, en un año así será mi nueva realidad.

Agora, deixa eu voltar pra minha realidade atual.

Bom, agora só me resta aproveitar o que tem pra aproveitar aqui em Porto Alegre, terminar a faculdade (ainda bem que é o ultimo ano…) e eras isso, depois disso, VIDA NUEVA!

Beijos.

Quando?


Eu não queria que fosse mais uma postagem reclamando de alguma coisa, mas não consigo ser diferente. Acho que realmente ta na hora de ir embora. Hora de conhecer um novo lugar, de conhecer novos gostos, novos prazeres, novas histórias, novas pessoas…Sinto que as coisas não vão mudar aqui, vão ser sempre as mesmas coisas, e eu percebo isso diariamente.

To cansado de tentar fazer as coisas serem diferentes, to cansado de acordar e sentir falta de ter algo ou alguém pra pensar, cansado de tentar novos amores, cansado de me iludir, cansado de tudo. Cansado de ouvir as pessoas dizerem que querem as coisas e dias depois tu sentir que tu é um problema pra isso. A minha auto-estima vai lá embaixo com essas coisas. Por mais que isso já seja corriqueiro, é algo que me deixa triste. Canso de acreditar nas pessoas, nem no amor (por enquanto) eu acredito.

‘‘Se não for pra me fazer voar bem alto, por favor, não tire meus pés do chão’’ é a minha frase do momento, e talvez uma frase que eu leve pra vida toda, porque muitas vezes tirei o pé do chão, cai de cara, e tive que mais uma vez me levantar, mesmo que tudo nao quisesse que eu me ergue-se.

Ultimamente nem meus sonhos tem me ajudado a viver fora de uma realidade minha. É sempre sonhos com algo que já passou, pessoas que já fizeram parte da minha, e muitas vezes situações que nunca vão existir e que eu não quero que existam também.

Queria de novo fazer parte das canções de amor, e me sentir de verdade parte delas, mas parece que isso é impossível. Quando um dia, na vida, a gente sente parte das músicas, parece que existe uma razão enorme pra viver, é uma coisa tão boa tu escutar, prestar atenção nas letras e parecerem que elas foram feitas pra nós, e depois tu percebe que essa nao é mais a realidade, pra mim, posso dizer que dá uma dorzinho no peito.

Sinceramente, ás vezes me pergunto: Quando eu vou voar de novo e sentir sensações que eu nao conheço ainda?

Postado ao som de Chimarruts – Novo começo

 

Chimarruts –Novo começo

Mil desculpas eu peço
Por não saber
Dizer adeus direito
Bem que tentamos
Fizemos planos
Mas nossos ideais
Não são mais os mesmos
Talvez não fale de amor
Mas é algo que sinto aqui dentro
Feito flor
Que perde o perfume com tempo
Que esse fim
Não traga a dor
Pois é apenas
Um novo começo
Dois são um agora
Guarde as tardes de sol
No teu coração
Veja agora ando só
Sabe eu tô tentando descobrir
Tentando desatar os nós
Me livrar das amarras
Que fiz pra chegar aqui
Esqueça a dor
E leve o beijo
E o gosto da nossa história
E saiba que daqui por diante
O eterno contigo
Com tudo eu quero dividir
Eu quero dividir…

Nem eu entendo.


As vezes eu queria entender todos os meus pensamentos. Queria entender também porque eles mudam, porque muitas vezes o que eu penso ontem já não é o que eu penso amanhã, e o que eu penso depois de amanhã tenta ligar com o que eu nao pensei no outro dia, vocês entendem isso? Porque eu as vezes não quero mais entender.

Na realidade, acredito que minha mudanças de pensamentos, devem acontecer devido ao que eu sinto, ao que eu quero, e por ai vai…As vezes coloco coisas na cabeça, e dai quando vê to pensando que não era bem aquilo, era pra ter sido assim, e mil coisas…Acho que eu sei porque eu to assim…Tô assim porque eu gosto de coisas certas. Não gosto de ter certas dúvidas, gosto do SIM, nao gosto do ”vamos ver”, “não sei”…mas paciência.

As pessoas não pensam como eu e nunca vão pensar. Eu sou assim, cheio de loucuras, de intensidades e de quereres. Eu assusto, eu meto pressão, mas é porque quando EU quero, EU quero mesmo! Mesmo que esse seja sempre o meu maior defeito, sinto muito, porque isso já faz parte de mim, e sinceramente, nao quero mudar, ninguem é perfeito, e eu também nao quero ser. Prefiro te proporcionar momentos perfeitos, beijos perfeitos, pelavras pefeitas, do que ser perfeito. Ninguém é perfeito pra ninguém, e se fosse não teria a menor graça, precisamos sermos imperfeitos, brigarmos por motivos bobos, fecharmos a cara por certas coisas mesmo que o outro não entenda, diz sim, a outra pessoa dizer não, e tu criar uma discussãozinha por isso…e eu sou assim, cheio de imperfeições,  mas ao ”todo” tudo sempre vale a pena, inclusive eu.

Na real, to desabafando um pouco, porque eu ando meio tenso.

Vou voltar a trabalhar.

beijos pra todo mundo.